IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Notícias

Ipac restaura imagem de Bom Jesus dos Passos em Lençóis

  • Publicação:
Símbolo do festejo, imagem do padroeiro dos garimpeiros foi restaurada pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), autarquia vinculada à Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult).
.
O município de Lençóis, na região da Chapada Diamantina, encerra no próximo sábado (02), a 167ª Festa do Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos, padroeiro dos garimpeiros. A programação de encerramento inclui missa campal, no período da manhã, e uma procissão pelas ruas do centro histórico, no turno vespertino.
.
Nesta edição da festa, os participantes vão contemplar a imagem e o andor do Bom Jesus dos Passos após um processo de restauração, realizado pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural (Ipac), em parceria com a Sociedade União dos Mineiros (SUM).
.
“Os bens estavam muito danificados e tivemos que fazer um tratamento que incluiu higienização, desinfestação, imunização preventiva e remoção de intervenções anteriores consideradas inadequadas. Foram mais de três meses de trabalho para que as peças fossem entregues aos moradores”, destaca o subgerente da Diretoria de Projetos (Dipro) do Ipac, Takeo Shishido.
.
De acordo com o presidente da Sociedade União dos Mineiros, Felipe Sá Dourado, a restauração era um antigo desejo dos devotos do padroeiro.  “Além disso, ficamos felizes com o processo de reconhecimento da festa como patrimônio imaterial, pois ela representa um dos grupos importantes na formação da nacionalidade brasileira e conta com elementos que remontam a costumes que foram essenciais para a formação do nosso povo”, afirma.
.
A festa de Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos é patrimônio cultural imaterial, com registro  especial provisório aberto pelo Ipac, no dia 01 de fevereiro de 2018. O festejo, que é organizado pela Paróquia Nossa Senhora da Conceição e pela SUM, é uma dos maiores eventos religiosos do interior da Bahia. As celebrações tiveram início no dia 23 de janeiro e integram atividades religiosas, culturais e esportivas.
Origem
A imagem de Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos chegou a Lençóis em 2 de fevereiro de 1852, vinda de Portugal. A construção da capela que abriga o santo foi iniciada em 1851, atribuída aos irmãos portugueses Joaquim José Tojal e José Gusmão Rodrigues.
Enquanto a capela não havia sido concluída, a imagem permaneceu no lajedo ao lado do rio Lençóis. Desde então, o Nosso Senhor Bom Jesus dos Passos passou a ser considerado o padroeiro dos garimpeiros.
.
.

Assessoria de Comunicação – IPAC, em 30.01.2019

ascom.ipac@ipac.ba.gov.br

www.ipac.ba.gov.br

Facebook ‘Ipacba Patrimônio’

Twitter ‘@ipac_ba’

Instagram ‘@ipac.patrimonio’