IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

    banner-terreiros

Notícias

JAM NO MAM E EMUS-UFBA PROMOVEM ENCONTRO SOBRE O PAPEL DO CANTO NO JAZZ

  • Publicação:

Se a JAM no MAM é um projeto de música instrumental, qual seria o papel do canto dentro das nossas jam sessions de todo sábado? É exatamente tentando responder a isso – ou, pelo menos, provocando o debate sobre a questão – que músicos da banda Geleia Solar se reunirão com o público no dia 08 de abril na área externa do Museu de Arte Moderna da Bahia para um bate-papo sobre “O papel do canto no jazz; direitos e deveres”. O encontro, dirigido a todos os interessados em música, será coordenado mais uma vez pelo professor, compositor e musicista Ivan Bastos, e terá início às 17h (pouco antes do começo da JAM no MAM, às 18h). Estudantes de música terão entrada gratuita até às 17h30, mediante comprovação na bilheteria da JAM no MAM.

 

Desde 2015 a Escola de Música da UFBA, em parceria com a JAM no MAM e o Museu de Arte Moderna da Bahia, vem realizando uma série de encontros dentro do ciclo intitulado “Perspectivas da improvisação no âmbito da JAM no MAM”, com temas ligados à prática da improvisação na música em suas várias vertentes. Como nas vezes anteriores, após uma introdução dos músicos convidados, será aberto espaço para perguntas do público presente, transformando o ciclo num rico bate-papo sobre música, capaz de potencializar experiências como a da própria JAM no MAM, onde a improvisação musical desempenha um papel importante na dinâmica da performance.

 

Nesse primeiro encontro de 2017, a discussão partirá do princípio de que o jazz é tema e improvisação e, assim, nada impede que um determinado tema musical seja cantado em uma jam session, com ou sem letra, independente do idioma ou do ritmo. “O mais importante seria ter em mente que as músicas executadas são o prenúncio dos improvisos que virão a seguir”, adianta o baterista Ivan Huol, que junto com cantores que frequentam a JAM no MAM participará do bate-papo no sábado. Para participar do encontro sobre “O papel do canto no jazz; direitos e deveres”, basta comprar o ingresso da JAM (R$ 8,00, inteira, e R$ 4,00, meia), que dá direito tanto à roda de conversa quanto a permanecer na jam session que terá início logo depois. Apresentadas pelo Ministério da Cultura e Instituto CCR, a JAM no MAM tem o patrocínio da CCR Metrô Bahia em 2017.

 

 

SERVIÇO:

 

PERSPECTIVAS DA IMPROVISAÇÃO NO ÂMBITO DA JAM NO MAM

Tema: “O papel do canto no jazz; direitos e deveres”

Data: Dia 08 de abril de 2017.

Local: Área externa do Museu de Arte Moderna da Bahia (Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão) Horário: 17h.

Ingresso: R$ 8,00 (inteira) e R$ 4,00 (meia). O ingresso já dá direito a permanecer para a programação musical da JAM no MAM.

 

JAM NO MAM

Data: Aos sábados.

 

Programação abril e maio da JAM no MAM:

Dia 08/04 – Vai ter JAM!

Dia 15/04 – Vai ter JAM!

Dia 22/04 – Vai ter JAM!

Dia 29/04 – Vai ter JAM!

Dia 06/05 – Vai ter JAM!

Dia 13/05 – Vai ter JAM!

Dia 20/05 – Vai ter JAM!

Dia 27/05 – Vai ter JAM!

 

Local: Museu de Arte Moderna da Bahia (Av. Contorno, s/n, Solar do Unhão)

Horário: Das 18h às 21h.

Ingresso: R$ 8,00 (inteira) e R$ 4,00 (meia). Estudantes de música terão entrada gratuita até às 17h30, mediante comprovação na bilheteria da JAM no MAM.

Realização: Huol Criações - Tel.: 71. 3241-2983

Site: www.jamnomam.com.br

Página do Facebook: @jamnomam

Youtube: https://www.youtube.com/user/JAMnoMAM

Twitter: https://twitter.com/jamnomam

Instagram: https://www.instagram.com/jamnomam/