IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Notícias

IPAC e IGHB expõem patrimônio bibliográfico brasileiro “Viagem Pitoresca e Histórica ao Brasil”.

  • Publicação:

O Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC) em parceria com o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia (IGHB) trará durante a 2º edição da Festa Literária Internacional do Pelourinho (Flipelô), para exposição e outras atividades o livro “Viagem Pitoresca e Histórica ao Brasil”, produzido por Jean-Baptiste Debret, pintor que fez parte da missão francesa trazida ao Brasil por D. João 6º em 1816.

Durante 15 anos, Debret, retratista oficial da Corte Portuguesa, viveu no Brasil e, em seus momentos vagos, retratava cenas observadas nas ruas do Rio de Janeiro e as descrevia com comentários sobre os costumes brasileiros entre outras informações. As pinturas intituladas “Viagem Pitoresca e Histórica ao Brasil” originaram três tomos: “Casta selvagem”, “Atividade do colono brasileiro” e “História política e religiosa, estado das belas artes” publicados entre os anos de 1834 e 1839. Porém, não houve êxito, pois, enquanto que os europeus esperavam que Debret pintasse um Brasil excêntrico e repleto de alegorias e peripécias, os livros traziam a imagem de uma nação que castigava seus escravos africanos que sustentavam o país desde o alimento até as construções dos grandes monumentos e edificações, além da caça aos índios.

A publicação ganhou uma nova reedição em 2016, onde os volumes foram reunidos em um só, e sua exposição possibilitará a observância da realidade de um Brasil anteposto ao atual que além de escravizar e oprimir estabelecia um distanciamento entre as camadas da população.