IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Notícias

Festivais de declamação de poemas de Castro Alves no PHCA, emCabaceiras do Paraguaçu, onde nasceu o poeta

  • Publicação:

Crianças, jovens e adultos participam do 17º Festival de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves e do 4º Festival Infantil de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves que acontecem na tarde do sábado (10/03) no Parque Histórico Castro Alves (PHCA), localizado na Fazenda Cabaceiras (em Cabaceiras do Paraguaçu, Recôncavo baiano) – local onde nasceu o poeta. No domingo (11/03) é a vez de a comunidade conferir o espetáculo ‘A Hora da Estrela’, do Grupo Teatral Frutos da Utopia. Os festivais e a peça de teatro fazem parte das comemorações pelos 171 Anos de Nascimento do Poeta Castro Alves, a ser comemorado em 14 de março.

 

Nesta data (14/03), além das atividades solenes realizadas em parceria com a Prefeitura Municipal de Cabaceiras do Paraguaçu – e da apresentação itinerante de grupos culturais de Saubara (BA) - a programação retoma no PHCA com as premiações dos concursos (quando os cinco primeiros colocados de cada categoria se apresentam novamente) e atrações culturais diversas, como a, a abertura da exposição ‘‘Sertões de Hansen Bahia – Xilogravuras Matrizes e Esboço’ e o lançamento do livro de Bule-Bule ‘Rodolfo Coelho Cavalcante, Castro Alves e outros temas em Cordel’.

 

O evento – uma iniciativa da Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (DIMUS/IPAC) – já é tradição na cidade e reúne pessoas de diversas regiões e de todas as idades que prestam homenagem ao grande poeta baiano, autor de Espumas FlutuantesVozes D’África e O Navio Negreiro, entre outros. A responsável pela DIMUS, Fátima Santos, explica que o festival foi criado para homenagear o poeta Castro Alves e incentivar a juventude a usar a poesia para manifestar seus sentimentos. “Os poemas do grande poeta expressam o seu romantismo, o seu amor à pátria, além do intenso sentimento libertário”, acrescenta.

 

A coordenadora do PHCA, Diogenisa Oliva, acrescenta que, além de toda a programação especial, o público pode aproveitar para conhecer o museu que conta a história de Castro Alves e que vem realizando atividades diversas. “O público pode usufruir dos projetos socioeducativos permanentes do Parque que dialogam com os ideais de Castro Alves e de valorização da comunidade”, explica.

 

No festival, os jurados analisarão: originalidade (criatividade utilizada para a apresentação do poema), dicção (clareza das palavras pronunciadas na declamação), fluência verbal (correção e a pronúncia das palavras) e fidelidade ao texto (exatidão e o respeito a todos os versos e palavras do poema).

 

Os jurados são: Alex Simões (poeta, escritor, professor, performer, tradutor e editor), Fátima Soledade (museóloga graduada pela UFBA; pós-graduanda do curso de Especialização em Arte-Educação: Cultura Brasileira e Linguagens Contemporâneas – Escola de Belas Artes – UFBA; Assessora Técnica da DIMUS), Lorena Santana (bibliotecária formada pela UFBA, especialista em Gestão de Bibliotecas, Documentos e Acervos pela Faculdade Batista Brasileira), Renata Rosa Alencar Lima (Bacharelado em Museologia – com habilitação em Museus de Arte e História pela UFBA, Especialização em  História da Bahia pela Faculdade São Bento da Bahia; desde 2015 está na Coordenação do Museu Udo Knoff de Azulejaria e Cerâmica) e Vanina Cruz (psicóloga formada pela UFBA, especialista em gestão de pessoas, escritora e poetisa).

 

O Parque - Localizado a 170 km da cidade de Salvador, em Cabaceiras do Paraguaçu, o Parque Histórico Castro Alves é um museu biográfico que funciona em um espaço com 52 mil metros quadrados. Situado na Fazenda Cabaceiras, onde nasceu Castro Alves (14.03.1847 – 6.07.1871), o museu foi inaugurado em março de 1971, por ocasião do primeiro centenário da morte do poeta baiano. É o lugar ideal para o público conhecer, pesquisar e mergulhar no universo do porta-voz literário da Abolição da Escravatura no Brasil.

 

Além de acervo com objetos que pertenceram a Castro Alves e seus familiares, formado por fotografias, cartões-postais, manuscritos, livros, indumentárias, adornos pessoais, utensílios domésticos e artes visuais, o Parque Histórico dispõe de anexo com sala multimídia, auditório, biblioteca, infocentro, reserva técnica, refeitório e administrativo. Na área de Mata Nativa, os visitantes podem fazer uma trilha e visitarem o Pouso de Adelaide, o Anfiteatro, a “Cruz da Estrada”, a Fonte e o Marco da Fazenda.

 

O público pode ainda usufruir dos projetos socioeducativos: Conhecendo as Nascentes; Sarau no Parque: Música, Poesia e Arte nos Finais de Tarde; Brincando no Parque, Brincando como no Tempo de Nossos Avós; Oficina de Teatro; Baú de Memórias e Sopa de Letras. Anualmente, o Parque também promove o Festival de Declamação de Poemas de Antônio Frederico de Castro Alves.

 

 

SERVIÇO: 171 Anos de Nascimento do Poeta Castro Alves
Onde:
 Parque Histórico Castro Alves (PHCA)
Endereço: Praça Castro Alves, nº 106, Centro, Cabaceiras do Paraguaçu/ BA
Tel.: (75) 3681-1102
Realização: PHCA/DIMUS/IPAC/ SECULT-BA
Parceria: Prefeitura Municipal de Cabaceiras do Paraguaçu
Gratuito     

 

 

Programação:

 

06/03/18 – Terça-feira:

10h às 16h - Oficina de Xilogravura promovida pela Fundação Hansen Bahia.

 

10/03/18 – Sábado:

13h:  4º Festival Infantil de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves /  17º Festival de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves.

 

11/03/18 – Domingo:

20h – Espetáculo ‘A Hora da Estrela’ – Grupo Teatral Frutos da Utopia.

 

14/03/18 – Quarta-Feira:

5h – Alvorada.

8h – Missa em homenagem ao poeta (Igreja São João Batista).

9h30 – Apresentação itinerante de grupos culturais de Saubara/BA.

10h – Abertura da Exposição ‘Sertões de Hansen Bahia – Xilogravuras Matrizes e Esboço’.

10h30 – Sessão Solene na Câmara de Vereadores de Cabaceiras do Paraguaçu, em Tributo ao Poeta.

11h – Premiação dos vencedores do 4º Festival Infantil de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves e do 17º Festival de Declamação de Poemas de Antônio de Castro Alves.

14h – Apresentação Musical em Homenagem ao Poeta .

15h – Lançamento do Livro de Bule-Bule ‘Rodolfo Coelho Cavalcante, Castro Alves e outros temas em Cordel’.

15h30 – Palco Livre para Homenagens ao Poeta / Apresentação do Grupo Cultural do PHCA Boinho de Painho.

16h – Maratona Castro Alves.

 


Núcleo de Comunicação – Ascom Dimus

Jornalista responsável: Yara Vasku (DRT-PR 2904)

(71) 3117-6445/ 99119-7746
Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia
Centro Cultural Solar Ferrão – 1º andar
Rua Gregório de Mattos, 45 – Pelourinho, Salvador (BA)
dimusbahia.wordpress.com
facebook.com/museusdabahia