IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Notícias

Estudantes visitam coleção de instrumentos musicais no Solar Ferrão

  • Publicação:

O Centro Cultural Solar Ferrão (Rua Gregório de Mattos, nº45), no Pelourinho, recebeu na semana passada a visita de 99 estudantes, entre 10 e 11 anos, do Ensino Fundamental do Colégio Sartre. Apesar de instalado no bairro do Itaigara, o colégio sempre visita o Pelourinho e os equipamentos da Diretoria de Museus (DIMUS), vinculada à Secretaria de Cultura do Estado (SecultBA), como o Ferrão. “Sempre fazemos tour educativo e artístico-cultural com os alunos no Centro Histórico de Salvador (CHS). Da outra vez, fomos ao Tempostal, mas hoje escolhemos o Ferrão e a Coleção de Instrumentos Musicais Tradicionais de Emília Biancardi”, explica Maria de Fátima Nery, coordenadora do Sartre.

 

O Ferrão dispõe de um museu de arte sacra, o Abelardo Rodrigues, e mais quatro coleções, dentre as quais a de Emília Biancardi que é composta por instrumentos de sopro, corda e percussão de países dos cinco continentes. “Este espaço, bem como os demais da DIMUS, está sempre à disposição para receber grupos de estudantes. Estas visitas fazem parte do projeto socioeducativo realizado pelos museus”, explica a responsável pela DIMUS, Fátima Santos.

 

São 227 peças reunidas e doadas ao Estado pela etnomusicóloga Emília Biancardi. “Temos hoje 20 funcionários do Sartre para acompanhar os alunos”, ressalta Maria Nery, relatando da responsabilidade de cuidar e guiar tantas crianças. A visitação à coleção foi dividida em grupos de 20 alunos. “Primeiro, os levamos à primeira sala, onde explicamos o conteúdo geral e as normas de segurança, depois seguimos por mais duas amplas salas apresentando as peças e tirando dúvidas”, diz Ana Maria Tiburtino, uma das monitoras do Solar Ferrão/DIMUS. Outros monitores, João Batista e Gabriel Roma, apoiaram a ação. “Foi necessário chamarmos mais monitores já que tínhamos que atender cerca de 100 crianças em um curto espaço de tempo”, completa Batista.

 

MONITORES/DIMUS – Criada em 1972, a Diretoria de Museus (DIMUS) foi vinculada à Fundação Cultural (Funceb), mas desde 2003 está no IPAC. Sua missão é formular, promover e garantir a implementação de políticas públicas para o setor museológico, visando contribuir com a criação, a organização, o desenvolvimento e o fortalecimento das instituições museológicas vinculadas a esta Diretoria e de seus acervos, colocando-os a serviço da sociedade e do seu desenvolvimento.

 

O Solar Ferrão está em uma das ruas mais visitadas do Pelourinho, a Gregório de Mattos, onde também está a sede do bloco afro Olodum, o que faz com que seja grande também o número de turistas que visitam as coleções da DIMUS. “A mostra ‘União entre os povos’ que fica aberta até quinta-feira (29) na Galeria Ferrão, já foi vista por turistas vindos de mais de 15 países e 20 estados brasileiros”, comenta Fátima Santos.

 

O público aumenta principalmente em dias de grandes eventos ou na chegada de navios no Porto de Salvador. O solar é originário do século XVII, está instalado no declive entre o Pelourinho e a Baixa dos Sapateiros, e é tombado desde 1938 como Patrimônio Nacional pelo IPHAN/MinC. Visitação no Ferrão acontece de terça-feira a sábado, das 13h às 17h. Informações telefone (71) 3116- 6743. Confira mais detalhes aqui: www.ipac.ba.gov.br/museus. Acesse: https://dimusbahia.wordpress.com. Facebook: Museus da Bahia.

 

 

Texto/entrevistas: jornalista Geraldo Moniz (DRT-BA 1498)

 

Núcleo de Comunicação – Ascom Dimus

Jornalista responsável: Yara Vasku (DRT-PR 2904)

(71) 3117-6445/ 99119-7746
Diretoria de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia
Centro Cultural Solar Ferrão – 1º andar
Rua Gregório de Mattos, 45 – Pelourinho, Salvador (BA)
dimusbahia.wordpress.com
facebook.com/museusdabahia