IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

    banner-terreiros

Notícias

Abertas inscrições para oficina de capacitação na área de Museus

  • Publicação:

Já estão abertas as inscrições para a ‘Oficina de Capacitação: Os Museus como recursos didáticos no processo da aplicabilidade da Lei 10.639/03’ com a mestra em Museologia pela UFBA e museóloga da Universidade Federal do Recôncavo (UFRB), Joana Flores. As inscrições são gratuitas e feitas pelo linkhttps://goo.gl/VMt6gd. Na página, clique no ‘sinal mais’ (+) no box superior direito e depois em ‘continuar’ para abrir um formulário que deve ser preenchido. As vagas são limitadas e as inscrições terminam automaticamente após chegar aos 40 inscritos. As oficinas acontecem na próxima sexta-feira (10), das 13h às 17h, e no sábado (11) e no domingo (12), das 8h às 12h e das 13h às 17h, no Solar Ferrão do IPAC, localizado na Rua Gregório de Mattos, nº45, Pelourinho. O certificado só será entregue com frequência comprovada.

 

As oficinas integram projeto vencedor do Editais de Museus do Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC) da Secretaria de Cultura (SecultBa) para o livro ‘Mulheres Negras e Museus de Salvador: diálogo em preto e branco’ escrito por Joana Flores. O patrocínio é do Fundo de Cultura do Estado. “Além do lançamento do livro ocorrido em julho deste ano, o projeto prevê outras ações como esta das oficinas”, afirma a coordenadora de Editais do IPAC, Ana Coelho. Segundo Joana Flores, as oficinas trabalham aspectos de caráter político, ideológico e artístico. “É uma forma de provocar discussão em torno das relações interseccionais entre gênero, classe e raça, tomando como ponto de partida as exposições museológicas de longa duração”, explica.

 

PROGRAMAÇÃO – Dentre os temas de discussão nas oficinas estão a desconstrução do olhar nos museus por profissionais das áreas de música, educação, fotografia, dança, teatro e cinema. Ainda na programação, aula prática com visitas ao Museu Carlos Costa Pinto, no Corredor da Vitória, e Museu Afro-Brasileiro, no Pelourinho. Rodas de conversa sobre contribuição dos museus como espaço de educação não formal utilizando o segunda parágrafo da Lei 10.639/03, o senso de pertencimento e identidade nas coleções museológicas de Salvador, e leituras de textos, complementam o programa.

 

Cada participante ganhará um exemplar do livro de Joana Flores. Ela nasceu em Salvador (1967), graduada em Museologia (1996) e Mestra em Museologia (2015) pela UFBA. Atualmente é Museóloga da UFRB, na cidade de Cachoeira. Seus textos integram livros, revistas e anais de eventos da área. Publicou ainda o livro infanto-juvenil ‘O dia em que as crianças salvaram a Terra’ (Editora UFPEL, 2010). Além de coordenar a política de museus na Bahia, o IPAC administra os principais museus baianos (www.ipac.ba.gov.br/museus), incluindo o Centro Cultural Solar Ferrão.

 

O IPAC está responsável ainda pelas praças das Artes, Pedro Archanjo, Tereza Batista e Quincas (Pelourinho), Palácio da Aclamação e Passeio Público (Campo Grande). Os museus e espaços do IPAC integram o Programa de Ocupação e Dinamização criado pelo órgão para novas programações e apropriação pública. Assista aos vídeos: https://goo.gl/uQS9NG e https://goo.gl/vphG2s. Contatos: www.ipac.ba.gov.br/museus. Acesse: www.ipac.ba.gov.br, facebook Ipacba Patrimônio, twitter @ipac_ba e instagram @ipac.ba.

 

Serviço

QUANDO: 10, 11 e 12 de novembro de 2017

(Sexta, de 13h às 17h – Sábado e Domingo, de 8h às 12h e 13h às 17h)

ONDE: Solar Ferrão (R. Gregório de Matos, 45 – Pelourinho, Salvador – BA)

PARA QUEM: Todos (as) interessados (as) no tema

INFOS: mulheresnegrasemuseus@gmail.com

VAGAS: Somente 40 vagas

 

Fotos em BAIXA resolução em ANEXO.

 

Assessoria de Comunicação – IPAC, em 06.10.2017

Jornalista responsável Geraldo Moniz (DRT-BA nº 1498)

(71) 99110-5099, 99922-1743, 3117-6490, 3116-6673

ascom.ipac@ipac.ba.gov.br

Facebook: Ipacba Patrimônio – Twitter: @ipac_ba - Instagram: @ipac.ba