IPAC - Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Notícias

Caminhos da independência da Bahia: estudantes visitam pontos históricos em Cachoeira

  • Publicação:

Conhecer lugares que foram palcos da luta em prol da independência, assim será a manhã desta terça-feira (8) de aproximadamente 80 alunos do Colégio Estadual da Cachoeira. A ação, aprovada pelo  Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (IPAC), através do Edital Setorial de Patrimônio Cultural, Arquitetura e Urbanismo, trata-se do Projeto “Caminhadas Patrimoniais: Passos da Independência do Recôncavo”, que além de promover as visitas guiadas, também explicará aos estudantes como se deu os principais acontecimentos que marcaram a Independência da Bahia.

“Nosso objetivo é promover a educação e levar para esses alunos o conhecimento histórico da cidade de Cachoeira. Depois que é feita a caminhada, eles fazem oficinas socioeducativas para que eles exponham o que aprenderam”, diz o coordenador do projeto, Jadson Santos.

 

Roteiro

 

Nesta terça, os alunos visitarão a praça Dr. Milton, onde ocorreram, em 1821, as primeiras reuniões para o movimento de revolução; a praça da Aclamação, local que aconteceu a manifestação a favor da aclamação de D. Pedro I.

Está no roteiro também a visita a Casa de Câmara e Cadeia, cenário da sessão para a consulta popular para a aclamação de D. Pedro I como Regente e Defensor Perpétuo e Protetor da Liberdade do Reino do Brasil.

 

A quarta visita acontecerá na praça da Liberdade ou Teixeira de Freitas, como também é conhecida. Lá, os estudantes conhecerão o local escolhido para a instalação do monumento da “Estátua da Liberdade”.

 

O Porto cachoeirense, de importância comercial por conta do rio Paraguaçu, também está na rota, assim como Igreja da Matriz de Nossa Senhora do Rosário. Por fim, os Passos da Independência será encerrado no lugar onde o Príncipe Dom Pedro II e a Princesa Isabel se hospedaram durante a visita à cidade, no Hansen Bahia.

 

O projeto acontece também em outras duas cidades do Recôncavo – São Félix (a cidade Presépio) e Santo Amaro (a cidade Leal). Nos dias 2 e 4 de maio, alunos do Instituto Federal da Bahia (Ifba) e do Centro Estadual de Educação Profissional (Ceep), de Santo Amaro também visitaram os pontos históricos da cidade. A expectativa é que 1.500 estudantes participem até o final do projeto.

 

 

Programação

 

Cachoeira

8 de maio – Colégio Estadual da Cachoeira

14 e 15 de maio – Escola Paroquial Dom Antônio Monteiro

21 e 22 de maio – Colégio Santíssimo Sacramento

 

Santo Amaro

10 de maio – Instituto Federal da Bahia (Ifba)

28 de maio – Escola municipal (manhã) e Colégio Teodoro Sampaio (tarde)

 

São Félix

25 de maio – Colégio Estadual Rômulo Galvão


Assessoria de Comunicação – IPAC, em 07.05.2018

Assessora Responsável: Alexsandra de Alcântara Santos

Texto: Nicolas Melo (estagiário)

Edição e revisão: Jornalista Carla Costa (DRT 03850)

IPAC – Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia

Fones: (+55 71) 3117-6490 / 3116-6673

Acesse: www.ipac.ba.gov.br

Facebook: Ipacba Patrimônio

Twitter: @ipac_ba